Família deixa casa após ficar sem água por quase uma semana em MG: ‘Ficou inabitável’

  • 14/09/2021


Falta de abastecimento em Monte Santo de Minas (MG) fez família ficar sem conseguir usar o banheiro. Prefeitura fez reunião com a Copasa e problema deve ser normalizado a partir de quarta-feira (15). Moradores de Monte Santo de Minas convivem com falta de água há quase uma semana A família do pedreiro Eduardo da Silva precisou deixar a própria casa, em Monte Santo de Minas (MG), após a falta de água completar quase uma semana. O problema começou a ser resolvido nesta terça-feira (14) e deve ser normalizado nesta quarta-feira (15). A falta de abastecimento fez a família de Eduardo ficar sem água até para usar o banheiro. “A gente saiu de casa porque ficou inabitável, não tem água para usar o banheiro. A gente precisou comprar comida porque não tinha condição de fazer em casa. Fomos para o apartamento da cunhada, porque lá tinha água e a gente vinha para casa apenas para dormir”, disse o pedreiro. Eduardo salientou que precisou comprar água até para beber, pois não tinha como abastecer o filtro da casa. Situação semelhante ele conta que viveu o vizinho, que não tinha água para dar banho no bebê recém-nascido. “Comprei água até para beber, porque não tinha. Inclusive, o vizinho de frente, tem uma recém-nascido de 20 dias, ele comprou água para conseguir dar banho”, contou. O pedreiro conta que este tipo de problema é recorrente na cidade há 10 anos, mas está mais forte neste período. A falta de água atual, segundo ele, teve início na última semana. “Começou essa falta de água na quinta-feira, ai na sexta coloquei umas roupas para lavar e aguei as plantas. Vi que não tinha água na rua e já falei para minha esposa para não utilizarmos mais a água e deixar apenas para a louça, porque sempre que acaba são dois ou três dias [até voltar]”, relembrou, narrando como foi o início da atual falta de água na cidade. Moradores enfrentam falta de água há quase uma semana em Monte Santo de Minas (MG) Reprodução/EPTV Problema e tentativa de solução A situação da falta de água em Monte Santo de Minas é pior nos bairros Italianos e Dona Mariúcha. Para solucionar o problema, a prefeitura fez uma reunião com a Copasa. O prefeito Carlos Eduardo Donnabella (PSDB) contou à EPTV, afiliada Rede Globo, que alertou a Copasa sobre essa possibilidade ainda em julho, quando foi sugerido que a Companhia de Saneamento fizesse uma campanha educativa. “Essa campanha não foi feita e agora a população está sofrendo com a falta de água nos bairros mais altos da cidade. Passamos o final de semana todo entrando em contato com a Copasa, sugerindo formas de minimizar esse problema. Quero até salientar, que os funcionários foram muito solícitos, estão fazendo todos os esforços para normalizar, para que a população não sofra o que está sofrendo. Esse fornecimento é de responsabilidade da Copasa, não tem como a prefeitura interferir. O que estamos fazendo é ajudar a Copasa no que for possível nesse momento, deixamos à disposição o caminhão pipa, o apoio de funcionários para poder ajudar no que a Copasa precisar” Conforme nota oficial, a Copasa informou que o fornecimento de água nos bairros Dona Mariúcha e São Mateus deve ser normalizado de forma gradativa no decorrer de quarta-feira. Durante este período, segundo a companhia, o abastecimento dos bairros continuará sendo mantido com auxílio de caminhão-pipa. A Copasa ainda explicou que, devido à estiagem prolongada e o consumo elevado de água neste período de altas temperaturas, houve queda da vazão do manancial responsável pela captação de água do município, o Córrego Guardinha. Como medida emergencial, a Copasa está concluindo a instalação de uma nova captação de água no rio Pinheirinho. Contudo, apesar de todas as medidas operacionais adotadas, a companhia ressalta que o período de estiagem impacta diretamente a disponibilidade de água dos mananciais. Os moradores de São Sebastião do Paraíso também estão enfrentando problemas de falta de água. São mais de 40 bairros sem água desde quinta-feira, quando o abastecimento foi interrompido por falta de energia elétrica. A previsão é que o abastecimento seja restabelecido, gradativamente, até a noite desta terça. VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas

FONTE: https://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/noticia/2021/09/14/familia-deixa-casa-apos-ficar-sem-agua-por-quase-uma-semana-em-mg-ficou-inabitavel.ghtml

Aplicativos


Locutor no Ar

RADIO RITZ

O Melhor do Flash Back 24 Horas por Dia

Peça Sua Música

A RÁDIO RITZ AGRADECE A VOCÊ AMIGO OUVINTE DE TODOS OS DIAS

Anunciantes